Estônia: Congelamento de Ovo Preço médio em junho de 2024

O custo médio em junho de 2024 de Congelamento de Ovo em Estônia é 1188 €

A faixa de preço é 990-1386 €

O custo médio típico e a faixa de preço para Congelamento de Ovo são retirados de 2 Preços de clínicas e listas de taxas entre 11 médicos.

Compare este preço com outras clínicas e países


Congelamento de Ovo !Preço

Clínica Preço médio / a partir do preço
Elite Fertility Clinic ( Sangla 63, 50412, Tartu) de 990€

Estônia - Congelamento de Ovo: técnica e procedimento

O congelamento de óvulos, também conhecido como criopreservação de ovócitos, é um procedimento médico que permite às mulheres preservar sua fertilidade congelando e armazenando seus óvulos para uso futuro. Este processo envolve diversas etapas e protocolos. Como é necessária a consulta de um médico de fertilidade, você também deve pensar e saber com antecedência se a clínica de fertilidade que armazena seus óvulos em seu banco biológico também será sua clínica de fertilidade no futuro para seu procedimento de fertilização in vitro.

O processo começa com uma consulta inicial com um endocrinologista reprodutivo ou especialista em fertilidade. Durante esta consulta, o médico revisará o histórico médico da paciente, discutirá seus objetivos reprodutivos e as razões para considerar o congelamento de óvulos, e explicará o processo de congelamento de óvulos, incluindo os riscos, benefícios e taxas de sucesso. Antes de prosseguir com o congelamento de óvulos, a paciente é submetida a testes de reserva ovariana para avaliar a quantidade e qualidade de seus óvulos. Isso pode incluir exames de sangue para medir os níveis hormonais, como o hormônio anti-Mülleriano (AMH) e o hormônio folículo-estimulante (FSH), bem como ultrassonografia transvaginal para contar o número de folículos ovarianos.

Uma vez concluído o teste de reserva ovariana e considerado satisfatório, a paciente inicia o processo de estimulação ovariana, também conhecido como hiperestimulação ovariana controlada (HOC). Isso envolve tomar injeções de hormônio, normalmente por cerca de 10 a 14 dias, para estimular os ovários a produzirem vários óvulos, em vez do único óvulo que normalmente é liberado a cada mês durante o ciclo menstrual. Os hormônios da fertilidade geralmente contam com 25% do custo final do processo de congelamento de óvulos.

Durante toda a fase de estimulação ovariana, a paciente é submetida a monitoramento regular com exames de sangue e ultrassonografia transvaginal para avaliar a resposta ovariana e o desenvolvimento folicular. O médico ajusta a dosagem dos medicamentos hormonais conforme necessário com base nesses resultados de monitoramento para otimizar a produção de óvulos e minimizar o risco de síndrome de hiperestimulação ovariana (OHSS), uma complicação potencial da estimulação ovariana.

Recuperação de óvulos: Assim que os folículos ovarianos atingem um tamanho suficiente, a paciente é submetida a um pequeno procedimento cirúrgico denominado recuperação de óvulos ou recuperação de ovócitos. Este procedimento é normalmente realizado sob sedação ou anestesia e envolve o uso de uma agulha fina guiada por ultrassom para aspirar o líquido e os óvulos dos folículos ovarianos. Os ovos recuperados são imediatamente transportados para o laboratório para avaliação e criopreservação. No laboratório, os ovos recuperados são avaliados quanto à maturidade e qualidade. Os ovos maduros que atendem aos critérios de congelamento são criopreservados por meio de um processo chamado vitrificação, que envolve o resfriamento rápido dos ovos a temperaturas ultrabaixas para evitar a formação de cristais de gelo que podem danificar a delicada estrutura do ovo. Os ovos criopreservados são então armazenados em tanques de nitrogênio líquido até serem necessários para uso futuro.

Os ovos criopreservados podem ser armazenados por um período prolongado, normalmente vários anos, sem degradação significativa da qualidade. Durante esse período, a paciente pode optar por passar por ciclos adicionais de congelamento de óvulos para aumentar o número de óvulos armazenados ou usar os óvulos armazenados para tratamento de fertilidade, como fertilização in vitro (FIV), quando estiver pronta para conceber. Consultas periódicas de acompanhamento com o especialista em fertilidade podem ser recomendadas para monitorar a reserva ovariana e discutir opções reprodutivas futuras.

O congelamento de óvulos oferece às mulheres a oportunidade de preservar sua fertilidade e opções reprodutivas, permitindo-lhes congelar e armazenar seus óvulos para uso futuro. É essencial que as mulheres que estão pensando em congelar óvulos consultem um especialista em fertilidade para discutir suas circunstâncias, objetivos e opções individuais, e passar por avaliação médica e aconselhamento completos antes de prosseguir com o procedimento.

O custo do congelamento de óvulos pode ser dividido entre hormônios de fertilidade + recuperação de óvulos + armazenamento anual e manejo geral.

Na prática, você deve decidir se a clínica que armazena seus óvulos será sua clínica de fertilidade, mas também verificar a disponibilidade e os custos anuais de armazenamento.

Congelamento de Ovo - Estônia

A Estónia tem um pequeno sistema de saúde com um número estável de camas em hospitais e clínicas. As principais clínicas estão localizadas no coração de Talinn, enquanto poucas estão localizadas fora da capital. A cirurgia plástica é a principal categoria procurada pelos pacientes e também pelas clínicas de fertilidade.

Tartu, Estônia

Congelamento de Ovo preço: de 990 €